O Município

Dados do município.

Dados do município/localização

Fundação: 11/05/1988
Emancipação Política: 11 DE MAIO
Gentílico: Maeriense
Unidade Federatíva: PARA - BRASIL
Mesoregião: Nordeste Paraense
Microregião: Guamá
Distância para a capital: 193,00

Dados de características geográficas

Área: 469.492,00
População estimada: 29112
Densidade: 5.943,00
Altitude: 52
Clima: Tropical
Fuso Horário: 3:00
http://cod.ibge.gov.br/I99

Mãe do Rio
Pará - PA
Histórico
O processo de colonização do território que atualmente compõe o município de Mãe do Rio
começou no final da década de 1950,estando,indiretamente ligado a construção da Rodovia Belém-
Brasília.
O nome mais importante dos primórdios da localidade é do sr. Bruno Antônio Chaves, que chegou
na área onde está assentada a sede municipal em fins de 1959, trazendo consigo um grupo de doze
pessoas. Vieram de Irituia e fizeram o trajeto a pé, seguindo a demarcação da futura Belém-Brasília,
em meio à mata semi-derrubada.
A efetivação da Belém-Brasília trouxe mais gente à localidade que começou a crescer. O
plano deu certo e muitas famílias se estabeleceram no lugar que recebeu o nome de Mãe do Rio,
graças ao curso d'água que corta a sede da localidade. O primeiro comércio do lugar foi uma
quitanda, do sr.Rosa. A primeira rua foi a Jurupeba,que definiu efetivamente a povoação de Mãe do
Rio, em 1962. O processo de emancipação iniciou-se na gestão de José Leônidas Oliveira, então
prefeito de Irituia.
O município de Mãe do Rio foi criado pela Lei Estadual nº 5.456, de 11 de maio de 1988,
com área desmembrada de Irituia. A instalação ocorreu em 01 de janeiro de 1989, sendo primeiro
prefeito o sr. Silas Freitas de Souza.
O nome da cidade é referência ao curso d'´dagua que, por sua vez nos remete a duas
definições: 1º)- igarapé que recebe águas dos afluentes ou de outros igarapés menores 2º)- a uma
lenda amazônica, a Boiúna (do tupi mboy'una: cobra preta) mito hídrico de origem ameríndia,
simbolizado por enorme e voraz serpente escura, capaz de tomar a forma de qualquer embarcação e,
mais raramente, de uma mulher, mãe-d'água.
Gentílico: mãeriense
Formação Administrativa
Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de Mãe do Rio, pela lei
estadual nº 5456 de 11-05-1988, Teve seus limites alterados pela lei estadual nº 5467 de 05-08-
1988, desmembrado de Irituia. Sede do distrito de Mãe do Rio ex-povoado. Constituído de distrito
sede. Instalado em 01-01-1989.
Em divisão territorial datada 1995, o município é constituído de distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datado de 2007.
Cabe-lhe promover o desenvolvimento, a difusão e a preservação da cultura e do patrimônio histórico, artístico e arqueológico do Município, e proporcionar um espaço dedicado especificamente as pesquisas, leituras, aulas de músicas, pinturas, teatro e festas populares.

CALENDÁRIO CULTURAL
Nº EVENTO INVESTIMENTO PERÍODO LOCAL RESPONSÁVEL
Planejamento Anual 02 a 30/01 SECTUR
JANEIRO/FEVEREIRO/MARÇO
Baile Carnaval de Crianças - 10/02 Maçonaria SECTUR
Carnaval - 09 a 11/02 Ginásio de Esportes SECTUR
Dia Internacional da Mulher - 08/03 Galpão do Agricultor Sec. Assistência
Páscoa – Via Sacra Abril Via Pública Grupo de Teatro
PROGRAMAÇÃO MAIO/JUNHO
Aniversário da Cidade – Prog. Cultural 07 a 11/05 Ginásio de Esportes SECTUR
Concurso de Quadrilha - 21/06 Ginásio de Esportes SECTUR
FESTIVAL DE VERÃO
Copa Beach Soccer
Copa de Vôlei de Areia – 4x4
Festival de Canção
Festival Paraense de Capoeira 06 à 22/07 Arena Municipal SECTUR
Evento Inédito 30/06 à 02/07 Arena Externa SECTUR
Evento Inédito 14 e 15/07 Praça do Ginásio SECTUR
- 22 e 23/07 Ginásio Edson Said GRUPO DE CAPOEIRA
FESTIVAIS DE AGOSTO/ SETEMBRO
Festival do Folclore – Teatro nas Escolas 20 e 24/08 Ginásio de Esportes SECTUR
Festival do Açai 08/09 Galpão do Agricultor Sec. Assistência
Cavalgada do Arrojados Vias publicas Francisco Santana
Dia Nacional da Cultura Setembro Ginásio de Esportes SECTUR
OUTUBRO
Vaquejada Outubro Haras Fazenda Fortaleza Grupo ASR
Cavalgada do Marquinhos Pará Novembro Vias publicas Marquinhos Pará
Círio 1° domingo dezembro Ruas Nazaré

População 27.904 hab.

Área 469,492 km2
Bioma Amazônia
Instalado em 01/01/1989

POPULAÇÃO URBANA:
HOMENS: 11.252 - 48%
MULHERES: 11.800 - 51,2$

POPULAÇÃO RURAL:
HOMENS: 2.488 - 51,3%
MULHERES: 2.364 - 48,7%

POPULAÇÃO GERAL
HOMENS: 13.740 - 49,2%
MULHERES: 14.164 - 50,8%
Fonte: IBGE.
http://cod.ibge.gov.br/IAP


DOMICILIOS EM MAE DO RIO:

- COLETIVOS: 19 (0,2)
- OCUPADOS: 7.077 - 88,5%
- NÃO OCUPADOS: 1.090 - 13,3%
- COM MORADOR: 1 (5,3%)
- SEM MORADOR: 18 (94,7%)


Tem um clima tropical. Só existe uma curta época seca e não é muito eficaz, enquanto que na maioria dos meses do ano existe uma pluviosidade significativa De acordo com a Köppen e Geiger o clima é classificado como Am. 26.5 °C é a temperatura média. A pluviosidade média anual é 2248 mm.

58 mm refere-se à precipitação do mês de Novembro, que é o mês mais seco. Apresentando uma média de 406 mm, o mês de Março é o mês de maior precipitação.

Coordenadas geográficas Mãe do Rio Latitude: -2.06069, Longitude: -47.5536
2° 3' 38? Sul, 47° 33' 13? Oeste
Superfície Mãe do Rio 46.949 hectares
469,49 km² (181,27 sq mi)
Altitude Mãe do Rio 52 m
Clima Mãe do Rio Monção (Classificação climática de Köppen-Geiger: Am)

Mesoregião: Nordeste Paraense

Codigo do IBGE: 1504059

SITE: www.prefeituramaedorio.pa.gov.br

HINO MUNICIPAL

Hino Oficial da Cidade de Mãe do Rio PA
Letra por Cleucydia Lima da Costa
Melodia por Manoel Luís da Vera Cruz

I

Eis que o Marco do teu nascimento
Foi teu povo querendo obter
Tua história teu próprio monumento,
Tua glória, teu próprio poder.

O domínio de outrem
Fatigava teu ser,
Mas o teu lema
Foi sempre vencer!

Pois desde a era em que foi construída a "estrada"
Tua terra foi colonizada.
É alcançando elevante urbanização.
Só te faltava a libertação.

Em prol do alvo,
Uniu-se o povo em corrente feroz
Instalado em teu centro o teu coração
Dando mais vida ao clamor de tua voz.

II

Sobrevinda almejada emancipação
Livremente pudeste avançar
Ao trabalho, ao progresso, a evolução,
Para teu povo suprir e honrar.

Surpreendente conquista
Teu solo alcançou,
Que tua fama
Mui longe chegou.

Tua cultura e ventura revela o valor
De teu povo que é condutor
De rebanho arrogante e riquezas além,
Para provar tua força também.

De teu solo fértil
Emanam frutos que a todos sustém
E elevando bem maus tua grandeza,
O lenho forte teu povo detém.

III

O estandarte que teu mastro ostenta,
Simboliza o pregresso eficaz
Emergente da alma do teu povo,
Por anelo de amor e de Paz.

Teu lindo céu
É teu verde tão puro,
Revelam a glória
Que tem teu futuro.

Salve a fonte serena que a ti batizou,
Limitando teu grande esplendor
Através de nascente mui forte,
Marcando tua existência ao norte.

Teu nome aflui,
Ilustremente por todo Brasil.
Comparado com as águas de um mar bravio
Honradamente és tu, Mãe do Rio.

BRASÃO DE MÃE DO RIO


BANDEIRA DE MÃE DO RIO


NOTÍCIAS

| 05 DE MARçO DE 2021

OUVIDOR, O AGENTE DE MUDANÇA NA DEFESA DOS DIREITOS DO CLIENTE/CIDADÃO, USUÁRIOS DOS SERVIÇOS PÚBLICOS E PRIVADOS.

| 03 DE DEZEMBRO DE 2020

O Dia Internacional da Pessoa com Deficiência é comemorado anualmente em 3 de dezembro. Também conhecido como o Dia Mundial das Pessoas com Deficiência, esta data tem o objetivo de informar a população sobre todos os assuntos relacionado

| 14 DE JUNHO DE 2020

O Dia Mundial do Doador de Sangue é comemorado anualmente em 14 de junho.

#Município | 03 DE ABRIL DE 2020

Só venceremos essa pandemia se estivermos atentos às recomendações.Precisamos nos afastar agora, pa o quanto antes, estarmos juntos novamente.#MãedoRioContraoCoronavírus [...]

#Saúde | 02 DE ABRIL DE 2020

Mãe do Rio enfrenta um surto de sarampo além da pandemia do Coronavírus que se aproxima. Esse é o boletim epidemiológico do Sarampo. #mãedoriolivredosarampo [...]

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Um pouco insatisfeito

Neutro

Um pouco satisfeito

Muito satisfeito